desfralde

Posted In: Uncategorized

Pois é, o tempo passou a voar e a bebé cá de casa já é uma menina… e com o tempo quente aí à porta vamos entrar numa nova fase: o desfralde!
Não criei expectativas, não sei se o processo vai ser fácil ou difícil, rápido ou demorado.

No verão do ano passado compramos um adaptador/redutor para a sanita. Não era para usar logo, mas na altura a Laura viu e disse que era uma bóia gira.
Explicamos-lhe o que era e ficou toda entusiasmada! Quis experimentar e por coincidência (ou não) fez um xixi e ficou toda orgulhosa :)!
Entretanto antes do banho chegamos a repetir a experiência umas 2 ou 3 vezes, sem stress (até porque na altura só tinha 16 meses), mas para se ir familiarizando com a coisa…

Fomos de férias e quando voltamos a atitude mudou. Deixou de achar piada e inclusivamente quando a sentámos desatou a chorar num berreiro super dramático.
Não insistimos mais. O redutor está na casa de banho, visível, ela sabe para que é, mas diz que não quer usar.

Há pouco tempo compramos um “pote” para ver se a curiosidade voltava e se corria melhor.
Achou muito giro, passeia pela casa com ele na cabeça, senta lá os bonecos, mas ela nem pensar! Fica super rígida, não a conseguimos sentar e já disse que não quer usar.
Nunca fizemos dramas, não a forçamos nem repreendemos.

De há uns tempos para cá começou a achar piada às cuecas. Já tem uma pequena colecção e parece ter vontade de começar a usar.
Explicamos-lhe que para usar vai ter que deixar as fraldas… Ela percebe, diz que sim e faz-se silêncio… fica a pensar no assunto…

Vocês que já passaram por este desafio, contem-me tudo!
Como, onde e quando?
O quando é o menos importante, uma vez que cada criança tem o seu ritmo. Mas gostava de saber como correu desse lado.

Tenho algumas dúvidas em relação a essa nova fase… Como correm as saídas de casa? Há roupas que por uma questão prática devemos evitar certo?
Eu sou muito nojentinha no que toca a wc’s públicos, por isso acho que com ela vou ser um bocado stressadinha… vocês têm alguma técnica/truque :)?
Calculo que naquelas casas de banho minúsculas, com uma criança aflitinha, mais casacos e afins, não seja muito fácil ajudá-la a fazer xixi evitando contactos e/ou fugas pela roupa (delas e nossas…)…
Sugerem alguma acrobacia higiénica :)?

A gerência agradece toda a informação disponibilizada :)

 

0